Escolha uma Página

Quando se trata de financiamentos, a palavra “amortização” pode parecer um tanto complexa. Porém, trata-se de um termo importante e que pode fazer toda a diferença no seu orçamento. Em poucas palavras, amortização é o pagamento gradual da dívida ao longo do tempo, o que pode reduzir o valor total do financiamento e diminuir o impacto dos juros compostos.

Neste artigo O Solucionador vai explicar por que a amortização de um financiamento pode ser uma estratégia positiva para suas finanças e como você pode fazer para colocá-la em prática.

Por que a amortização é positiva para suas finanças?

Ao amortizar um financiamento, você está pagando uma parte do valor total da dívida, reduzindo o montante a ser pago no futuro. Isso significa que você pode economizar uma quantia significativa em juros ao longo do tempo, uma vez que os juros são calculados com base no valor total da dívida.

Além disso, a amortização pode ajudar a diminuir o impacto das parcelas no seu orçamento mensal, uma vez que o valor da dívida é reduzido e, consequentemente, o valor das parcelas também pode ser reduzido. Isso pode ser especialmente útil em momentos de instabilidade financeira, quando o orçamento está mais apertado, comenta O Solucionador.

Como fazer a amortização de um financiamento?

Existem diferentes maneiras de fazer a amortização de um financiamento, e a escolha da estratégia mais adequada depende do tipo de financiamento e das suas condições financeiras. Algumas opções são:

  • Pagamento de parcelas extras: se você tem condições de pagar um valor adicional na parcela mensal, pode direcionar esse valor para a amortização da dívida. Isso pode ser feito de forma pontual ou recorrente, conforme suas possibilidades financeiras;
  • Redução do prazo de pagamento: outra opção é reduzir o prazo de pagamento do financiamento, o que pode aumentar o valor das parcelas mensais, mas diminuir o impacto dos juros no longo prazo;
  • Antecipação de parcelas: se você tem um dinheiro extra, como um bônus no trabalho ou uma restituição de imposto, pode optar por antecipar algumas parcelas do financiamento. Isso reduzirá o valor total da dívida e pode resultar em economia de juros.

O quanto se pode ganhar com a amortização de um financiamento?

Para entender melhor os ganhos com a amortização de um financiamento, vamos a um exemplo prático. Imagine que você tenha um financiamento de R$ 100.000,00 a uma taxa de juros de 1% ao mês, com prazo de pagamento de 10 anos. Sem a amortização, o valor total da dívida ao final do prazo seria de R$ 314.438,77.

Porém, se você amortizasse R$ 5.000,00 por ano (ou seja, R$ 416,67 por mês), o valor total da dívida cairia para R$ 274.035,87, uma economia de mais de R$ 40.000,00 em juros. Ou seja, ao amortizar apenas R$ 50.000,00 ao longo dos 10 anos, você economizaria mais de R$ 40.000,00 em juros.

É importante ressaltar que os ganhos com a amortização dependem do tipo de financiamento e das condições financeiras do indivíduo. Por exemplo, em um financiamento com prazo curto e taxa de juros baixa, os ganhos com a amortização podem ser menores do que em um financiamento com prazo longo e taxa de juros alta.

Em conclusão, a amortização de financiamento é uma ferramenta importante para quem busca adquirir um bem ou investir em um projeto, pois ela permite o parcelamento das dívidas em prestações acessíveis e com juros mais baixos.

Além disso, a amortização pode trazer diversos benefícios para a vida financeira do indivíduo, como a redução do tempo de pagamento, a diminuição dos custos totais do financiamento e o aumento da segurança financeira. No entanto, O Solucionador faz alerta de atenção: é importante lembrar que cada caso deve ser avaliado individualmente, para que se possa escolher a melhor opção de amortização, levando em consideração o perfil do devedor, as taxas de juros praticadas pelo mercado e as condições do contrato.

Foto: https://www.freepik.com/free-photo/golden-rmb-coins-cloth-bag_1193014.htm